segunda-feira, janeiro 21, 2013

AO & Fashion

Na sua crónica de sábado passado no Expresso, Miguel Sousa Tavares volta ao triste Acordo Ortográfico e à inusitada e ridícula situação de hoje haver três grafias oficiais do português.

Na revista do mesmo jornal, surge um artigo sobre os blogs de moda.

São oito os blogs e chamam-se: Fashion-à-Porter, Stylista, Fashion Rules, Lab Daily, The Stiletto Effect, …And This Is Reality, Janela Urbana e O Alfaiate Lisboeta.

Como se vê, 75% destes portugueses, maioritariamente trintões, escolheram o inglês para dar título ao seu blog.

Voltando ao Miguel Sousa Tavares, ele escreve, e eu concordo, que “há coisas que nenhum país independente cede sem estremecer: o território, o património, a paisagem, a língua.”

Concluo que este é um país “firme e hirto como uma barra de ferro” já que nada o faz estremecer – se o território lá se vai mantendo, o património é o parente pobre a quem se dá o que sobeja do, sempre parco, orçamento doméstico; no que toca à paisagem, temos feito tudo o que está ao nosso alcance para a desfigurar, e quanto à língua… as novas gerações evitam-na, e o normal é não saber pontuar, acentuar, grafar ou, sequer, fazer concordar (Pedro Passos Coelho é disso o exemplo maior).

Escrever em português parece ser, cada vez mais, uma extravagância um bocado saloia; está absolutamente out.
Em breve nos entenderemos apenas em inglês, e o AO passará a ser um não-assunto.
Será o momento de, por aqui, voltarmos todos a dormir na santa paz própria dos animais de sangue frio.

Sem comentários:

Publicar um comentário