quinta-feira, novembro 17, 2011

Não seria o caso de mudarmos de patrões?

Por esse mundo fora, onde trabalham, os portugueses são produtivos.
As multinacionais instaladas em Portugal, empregando portugueses e cumprindo as leis laborais do país, têm bons resultados.
Para a troika e para o governo o problema está sempre no custo do trabalho e na produtividade, ou seja, nos balúrdios de dinheiro que ganhamos para não fazermos nada.
Mudar de governo, não vale a pena; já tentámos várias vezes e cada um é pior que o outro.
E se mudássemos agora de patrões?

Sem comentários:

Publicar um comentário