sexta-feira, setembro 30, 2011

“Apenas Miúdos”

“Apenas Miúdos” de Patti Smith, é um enorme fresco sobre a cidade de Nova Iorque dos anos 1960/1970 e os seus artistas. É também a história do crescimento duma rapariga de Chicago, ingénua e higiénica, que se transforma num ícone dessa geração.
“Apenas Miúdos” é ainda, e talvez sobretudo, a história da relação de Patti Smith e Robert Mapplethorpe, história intensa de amizade e amor, no mais lato sentido do termo, do seu crescimento em conjunto, quando tomavam conta um do outro e viviam numa sintonia rara.
Um bom livro, mas apenas para quem tem memórias e referências desse tempo e gosta de as ver contadas na primeira pessoa.

Sem comentários:

Publicar um comentário